terça-feira, 10 de novembro de 2015

Vamos a contas (porque assim será mais fácil saber do que falamos quando falamos de composição do Parlamento e Governo)

Na III República Portuguesa contamos com vinte governos constitucionais, a saber:

I Governo (1976–1978) – M. Soares * Partido Socialista + Independentes † Rejeição de uma moção de confiança.
II Governo (1978) – M. Soares * PS + CDS † Desentendimentos entre os partidos que garantiam o seu apoio parlamentar.
III Governo (1978) – A. Nobre da Costa * Independentes † Rejeição do programa de governo.
IV Governo (1978–1979) – C. A. Mota Pinto * Independentes † Pedido de demissão apresentado pelo Primeiro-Ministro.
V Governo (1979–1980) – M. L. Pintasilgo * Independentes + ASDI (partido do centro-esquerda, formado com antigos deputados do PPD/PSD) † Eleições intercalares realizadas após a dissolução da Assembleia.
VI Governo (1980–1981) – F. Sá Carneiro/D. Freitas do Amaral (interino) * PSD + CDS † Falecimento do Primeiro-Ministro.
VII Governo (1981) – F. Pinto Balsemão * PSD + CDS + Partido Popular Monárquico † Pedido de demissão apresentado pelo Primeiro-Ministro.
VII Governo (1981) – F. Pinto Balsemão * PSD + CDS + Partido Popular Monárquico † Pedido de demissão apresentado pelo Primeiro-Ministro.
IX Governo (1983–1985) – M. Soares * PS + PSD † Desentendimentos entre os partidos que garantiam o seu apoio parlamentar. 
X Governo (1985–1987) – A. Cavaco Silva * PSD † Aprovação de uma moção de censura.
XI Governo (1987–1991) – A. Cavaco Silva * PSD † Legislatura completa.
XII Governo (1991–1995) – A. Cavaco Silva * PSD † Legislatura completa.
XIII Governo (1995–1999) – A. Guterres * PS † Legislatura completa.
XIV Governo (1999–2002) – A. Guterres * PS † Pedido de demissão apresentado pelo Primeiro-Ministro.
XV Governo (2002–2004) – J. M. Durão Barroso * PSD + CDS-PP † Pedido de demissão do Primeiro-Ministro.
XVI Governo (2004–2005) – P. Santana Lopes * PSD + CDS-PP † Assembleia dissolvida pelo Presidente da República.
XVII Governo (2005–2009) – J. Sócrates* PS † Legislatura completa.
XVIII Governo (2009–2011) – J. Sócrates* PS † Pedido de demissão do Governo, mantendo-se em funções como Governo de Gestão.
XIX Governo (2011–2015) – P. Passos Coelho * PSD + CDS-PP † Legislatura completa.
XX Governo (2015-?) – P. Passos Coelho * PSD + CDS-PP †

*Pois que, no meio disto tudo, só CINCO governos terminaram o seu mandato (a negrito).

*De tudo quanto parece estar a acontecer neste momento, a única "novidade" é um partido sem maioria parlamentar (relativa ou absoluta) pretender formar governo. De resto, já tudo foi experimentado e testado.

segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Das coisas que lemos por aí e são pertinentes para a nossa vida de formas bizarras

A última festa antes do divórcio
(...)
Quando o esquentador avariou foi o fim do casamento entre a Vanessa e o Júlio. Mas, como sempre, o princípio do fim tinha sido muito tempo antes. Mas só Deus sabe a interferência que alguns electrodomésticos avariados podem ter nas decisões definitivas sobre a separação de casais. A infidelidade dos electrodomésticos é um factor muito subvalorizado, quando comparado com a infidelidade carnal, neste tipo de coisas.
(...)

Disclaimer: o excerto acima é sobre política. Este post já não.


Hoje é um bom dia

(segundo a Google)
(Beleza e inteligência: esta atriz dos anos 40 do século passado – lembro-me de a ver em Sansão e Dalila – foi também uma cientista: patentou um sistema que foi o precusor do wi-fi.)

(Quando se fala mais de muros a erguer – por essa Europa fora, pela América, no coração dos seres humanos – lembremos o dia em que este muro caiu, lembremos o que o fez cair há 26 anos: a liberdade e a tolerância a darem as mãos.)